ASAE... a tradição já era


Excessos da ASAE...

Comments

São Rosas said…
Já nem a tradição é a mesma de antigamente :O)
maria_arvore said…
Ora, as tradições impedem o progresso, por exemplo, de construir lindos "chalés" de azulejos de diversos padrões. Sem tradições tudo é simplex. ;)
xistosa said…
Que todos os SANTOS, (eu que não sou religioso), segurem a ASAE ...
Que estes, acabem com os mixordeiros que em TODO o LADO SÓ VÊEM O LUCRO.
És do Porto.
Eu ... trabalhei trinta e muitos anos num serviço que por força das circunstâncias me levou a cabeleireiros, cafés, restaurantes, confeitarias, etc.
Não era fiscalização de instalações, pois se fosse, há muitos anos que a Cunha e a Petúlia estavam encerradas, assim como dezenas de agiotas que se metem em negócios para fazer dinheiro e não ligam a mais nada.
Na Pwetúlia, para ir à cozinha, que era na cave, tive que me agarrar com as duas mãos ao corrimão, para não escorregar no "sebo" que enxameava as instalações.
A Cunha, em vésperas de Natal, há alguns anos, foram apanhados com TONELADAS, não eram quilos, toneladas de frutas impróprias para o bolo-rei.

Só encontrei uma confeitaria no Porto, com a zona de fabrico MUITO, mas MUITO asseada.
A Nobreza, cuja fábrica fica na R. Nove de Jullho.
Também em S. Mamede de Infesta, a padaria-confeitaria que fica na esquina da rua que dá acesso ao Santo Antoninho.
Mas isto foi há muitos anos ...

Passem bem !!!!
Mas não passem sem a ASAE!!!!!!!!!

Popular Posts